About Me

quarta-feira, 7 de fevereiro de 2018

TAG do “Eu nunca [literário]”

| |

TAG do “Eu nunca [literário]”
Créditos por criação: da Lizzie e eu vi no SilêncioContagiante.
Até eu conseguir concentração o suficiente para escrever resenhas, eu vou responder essa tag aqui. Saibam que agora é um momento muito apropriado para o famigerado rindo de nervoso.


1) “Eu nunca li isso” – Um livro que você não leu, mas que aparentemente todo mundo já.

Praticamente os mais populares do John Green como “Quem é você, Alaska?” ou “Teorema Katherine”. Já até tentei começar a ler os dois, mas não me conectei.
2) “Eu nunca li algo tão maravilhoso” – O seu livro favorito
Nomear algo como favorito eu acho muito forte. Quer dizer, é mais fácil eu falar de filmes favoritos do que livros – talvez seja porque eu sou mais ágil com filmes e com livros, eu tenho uma reserva maiorzinha. Então, sem essa de livro favorito.
3) “Eu nunca imaginei que conseguiria terminar isso” – Um livro ou uma série que você não curtiu, mas foi até o fim.
como eu amo essas capas!

Acho que “A Mediadora”, mas não que eu não tenha curtido, a questão foi a decepção que eu tive com a protagonista. Mas sabe aqueles casos de você “amadurecer” e deixar de gostar de algo-barra-perder a magia? Aqui foi ao contrário. Eu comecei a ler “A Mediadora” com menos de 15 anos, mas eu com 20 gosto mais do que eu gostava antes. Oi? Pois é...
4) “Eu nunca vou terminar isso” – Um livro ou uma série que você abandonou




*Kkkkkkkk*. Muitos! Eu sigo o mantra de: não gostou, pula para a próxima leitura. De livros, foram alguns que eu retomei leitura, já outros, não... Séries foram: as trilogias Matched (uma distopia muito furreca que se baseou na menina querendo destruir a nação por causa de boy e não é isso que eu quero ler) e Trylle (gente, sério, eu aos 12 anos escrevendo as minhas fanfics produzia uma obra melhor que essa, muito obrigada. E Rocco, garota: como ousou trazer isso para cá?).
5) “Eu nunca vou me arrepender de ter lido isso” – Um livro que você leu por recomendação de alguém e acabou gostando.

Círculo, o meu primo me emprestou e eu fiquei apaixonada pelo grupo de meninas bruxas. Uma pena a editora não ter continuado com a série aqui.
6) “Eu nunca faria isso” – Um personagem que tomou alguma decisão ou fez coisas que você não concorda/faria.

A Guida, de “A Vida Invisível de Eurídice Gusmão”, eu não demoraria tanto para pedir o divórcio e, bom, acredito que lá não teria muita lei para resolver a questão da pensão alimentícia, mas que eu teria feito um barraquinho, eu teria feito sim. E a Zaíta, de “Olhos d’água”, meu amor, a boneca preta era tão mais legal que a carta linda... brincar com a boneca pouparia tanto o meu coração.
7) “Eu nunca quero ter que admitir que li isso” – Um livro que você tem vergonha de ter lido ou de ler em locais públicos.
Admito que eu só comprei pela capa

Para Sempre. Romance gospel aqui não, monamur.
8) “Eu nunca li algo tão fofo” – Um livro que tocou seu coração

“Esta é uma história de amor”, eu amei tanto esse livro. Um clichê atrás do outro, mas uma história totalmente bem construída. Foi meu livro favorito do ano passado.
9) “Eu nunca ri tanto” – Um livro que te fez rir alto
Hum... Provavelmente os da minha Meg Cabot.
10) “Eu nunca teria sobrevivido minha infância sem ter lido esse livro” – Um livro favorito da sua infância.

Crianças na escuridão”, retrata a vida das crianças abandonas e que acabam entrando no mundo do crime.